“A melhor partida foi contra o Brasil”

“A melhor partida foi contra o Brasil”

Frank de Boer se sentia novamente um jogador quando recebeu um disparo de perguntas de cerca de 50 jornalistas brasileiros. O técnico do Ajax ainda é considerado no Brasil um excelente zagueiro do Ajax, FC Barcelona e da Seleção holandesa.

Perder um jogo também pode ter resultados positivos na carreira. Isto experenciou De Boer cerca de 14 anos atrás. A semi final entre a Holanda e o Brasil na Copa do Mundo de 98 na França foi determinante. “Foi uma das melhores partidas que já joguei na vida. Foi um marco definitivo para minha carreira. O jogo contra o Brasil me colocou no mapa do mundo do futebol. Tanto na Europa como no Brasil. Embora o Ronaldo tenha marcado o gol e nós tenhamos perdido o jogo, o duelo teve um impacto positivo na minha carreira”, afirmou De Boer durante a conferência de imprensa organizada por Mongeral AEGON.

No estádio onde em 1950 foi realizada a abertura da Copa do Mundo, De Boer abordou diferentes temas. Desde o drible na carreira do político Romário até as semelhanças entre Ajax e FC Barcelona. Expressou também a esperança de que jogadores brasileiros continuem vindo para a Europa. “Jogadores como Ronaldinho e Robinho sempre farão a diferença. O Brasil tem tantos talentos. A Inglaterra é tida sempre como o berço do futebol, mas é no Brasil que se percebe o quanto a paixão pelo futebol mexe com as pessoas. Os brasileiros levam o futebol no coração. Estou orgulhoso de poder estar aqui uma semana com o Ajax para sentir o clima do futebol no Brasil.”

Siga o Ajax na cola em Ajax.nl, Ajax TV, Facebook, Twitter @AFCAjax, Hives e Google+.

Texto e fotos: Ajax.nl

<i>O Pacaembu foi o território do Ajax e Mongeral AEGON nesta segunda-feira.</i>
O Pacaembu foi o território do Ajax e Mongeral AEGON nesta segunda-feira.
<i>A visita de Frank de Boer atraiu vários jornalistas ao estádio.</i>
A visita de Frank de Boer atraiu vários jornalistas ao estádio.